‘Deputado dos confetes’, Wlad Costa foi o parlamentar que mais faltou às sessões da Câmara em 2015

17/04/2016 21:15

Durante a madrugada de sábado, Wladimir Costa (SD/PA) chamou atenção ao estourar um rojão de confetes na Câmara.
O atual cenário político brasileiro está longe de merecer um “parabéns”. Mas durante a maratona de votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados, um parlamentar decidiu levar um rojão de confetes e se tornou um verdadeiro hit nas redes sociais.
Na madrugada de sábado, o deputado Wladimir Costa (Solidariedade/PA) subiu na tribuna da casa e fez um discurso inflamado a favor do impedimento de Dilma, com direito à bandeira do Pará nas costas, como uma verdadeira capa. Em suas palavras, o governo do PT vem dando “um tiro de morte” no coração do povo brasileiro. Neste momento, brotou de suas mãos a inusitada chuva de papel picado. Confira:
 
Como se não fosse suficiente, Wlad, como é conhecido popularmente, voltou à cena neste domingo, dia decisivo da votação, e fez uma nova performance ao lado do líder de seu partido, o deputado Paulinho da Força (SD/SP).
 
Em seu quarto mandato na Câmara, Wladimir saiu do PMDB em 2013, quando ingressou no Solidariedade. Em 2015, obteve uma conquista importante em sua trajetória: foi o parlamentar mais faltoso das sessões plenárias. De um total de 125 sessões, Wlad não esteve presente em “apenas” 105. Ou seja, participou apenas de 20. Do total de faltas, 93 foram justificadas por sua assessoria com atestados médicos relacionados a intervenções cirúrgicas em sua coluna vertebral. Outras 12 ausências não tiveram justificativa oficial.
 
Wladimir Costa não tem sido um parlamentar muito assíduo na Câmara.
Em 2011, ainda no PMDB, o parlamentar paraense liderou um ranking mais apurado: foi o campeão de faltas sem justificativa (29 de um total de 48). Em tempo: em janeiro, Wladimir teve seus bens bloqueados pela Justiça do Pará. Ao lado de seu assessor Ildefonso Augusto Lima Paes, e do servidor da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), Emersom Gleyber Leal de Souza, o deputado é acusado de liderar um esquema de desvio de recursos a partir de um convênio fechado entre uma ONG do deputado e a Seel.
 

Voltar

Contato

Jovem News
São Paulo
São Paulo, Brasil

+55 (82) 9809-5017

© 2017 Todos os direitos reservados.

Make a free website

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!